Conectar às fontes de dados no editor de carregamento de dados

As conexões de dados no editor de carregamento de dados fornecem uma maneira de salvar atalhos para as fontes de dados que você usa frequentemente: bancos de dados, arquivos locais ou arquivos remotos. As Conexões de dados listam as conexões salvas em ordem alfabética. É possível usar a caixa de pesquisa/filtro para reduzir a lista às conexões com um determinado nome ou tipo.

Para obter mais informações, consulte Estabelecendo conexões com fontes de dados.

Nota: Você só poderá ver as suas conexões de dados ou aquelas para as quais possui direitos de acesso de leitura e atualização. Entre em contato com o administrador do sistema do Qlik Sense para adquirir acesso, se necessário.

Criando uma nova conexão de dados

Faça o seguinte:

  1. Clique em Criar nova conexão.
  2. Selecione o tipo de fonte de dados que você deseja criar na lista suspensa.

    A caixa de diálogo de configurações, específica do tipo de fonte de dados que você selecionou, é aberta.

  3. Digite as configurações da fonte de dados e clique em Create para criar a conexão de dados.

    O nome da conexão será anexado com seu nome de usuário e domínio para garantir que ele seja exclusivo.

A conexão de dados foi criada tendo você como o proprietário padrão. Caso deseje que outros usuários possam usar a conexão em uma instalação de servidor, você precisará editar os direitos de acesso da conexão no Qlik Management Console.

Aviso: As configurações da conexão que você criou não serão atualizadas automaticamente se as definições da fonte de dados forem alteradas. Isso significa que você precisa ter cuidado ao armazenar nomes de usuário e senhas, especialmente se alterar as configurações entre a segurança integrada do Windows e o logon do banco de dados no DSN.
Nota: Se Criar nova conexão não for exibido, isso significa que você não tem os direitos de acesso para adicionar conexões de dados. Entre em contato com o administrador do sistema do Qlik Sense para adquirir acesso, se necessário.

Excluindo uma conexão de dados

Faça o seguinte:

  1. Clique em Ö na conexão de dados que deseja excluir.
  2. Confirme que você deseja excluir a conexão.

A conexão de dados é excluída.

Nota: Se Ö não for exibido, significa que você não possui direitos de acesso para excluir a conexão de dados. Entre em contato com o administrador do sistema do Qlik Sense para adquirir acesso, se necessário.

Editando uma conexão de dados

Faça o seguinte:

  1. Clique em @ na conexão de dados que deseja editar.
  2. Edite os detalhes da conexão de dados. Os detalhes da conexão são específicos para o tipo de conexão.
  3. Clique em Salvar.

A conexão de dados é atualizada.

Nota: Se você editar o nome de uma conexão de dados, também será preciso editar todas as referências existentes (lib://) à conexão no script, caso queira continuar a fazer referências à mesma conexão.
Nota: Se @ não for exibido, significa que você não possui os direitos de acesso para atualizar a conexão de dados. Se necessário, entre em contato com o administrador do sistema Qlik Sense.

Inserindo uma string de conexão

Strings de conexão são obrigatórias para a maioria das conexões. Apenas conexões de pasta e de arquivo da Web não requerem strings de conexão.

Faça o seguinte:

  • Clique em Ø na conexão em que deseja inserir uma string de conexão.

A string de conexão da conexão de dados selecionada é inserida na posição atual no editor da carga de dados.

Dica: Você também pode inserir uma string de conexão arrastando uma conexão de dados e soltando-a na posição no script onde deseja inseri-la.

Para obter mais informações, consulte Connect.

Selecionando dados de uma conexão de dados

Se você quiser selecionar dados de uma conexão de dados para carregar em seu aplicativo, faça o seguinte:

  1. Criar nova conexão para vincular à fonte de dados (caso a conexão de dados ainda não exista).
  2. ± Selecione dados da conexão.

Fazendo referência a uma conexão de dados no script

Você pode usar a conexão de dados para se referir a fontes de dados em comandos e funções no script, geralmente onde você quiser criar uma referência a um nome de arquivo com um caminho.

A sintaxe para fazer uma referência a um arquivo é 'lib://(nome_conexão)/(nome_arquivo_incluindo_caminho)'

Example 1: Carregando um arquivo de uma conexão de dados de pasta

Esse exemplo carrega o arquivo orders.csv a partir do local definido na MyData conexão de dados.

LOAD * FROM 'lib://MyData/orders.csv';

Example 2: Carregando um arquivo de uma subpasta

Esse exemplo carrega o arquivo Customers/cust.txt da DataSource pasta de conexão de dados. Customers é uma subpasta no local definido na conexão de dados MyData.

LOAD * FROM 'lib://DataSource/Customers/cust.txt';

Example 3: Carregando de um arquivo web

Esse exemplo carrega uma tabela da conexão de dados de arquivo web PublicData, que contém o link para a URL verdadeira.

LOAD * FROM 'lib://PublicData' (html, table is @1);

Example 4: Carregando de um banco de dados

Esse exemplo carrega a tabela Sales_data da conexão de banco de dados MyDataSource.

LIB CONNECT TO 'MyDataSource';
LOAD *;
SQL SELECT * FROM `Sales_data`;

Onde a conexão de dados é armazenada?

As conexões são armazenadas com o Qlik Sense Repository Service. É possível gerenciar conexões de dados com o Qlik Management Console em uma implantação de servidor do Qlik Sense. O Qlik Management Console permite excluir conexões de dados, definir direitos de acesso e realizar outras tarefas de administração do sistema.

Aviso: No Qlik Sense Desktop, todas as conexões são salvas no aplicativo, sem criptografia. Isso inclui possíveis detalhes sobre nome de usuário, senha e caminho do arquivo que você digitou ao criar a conexão. Isso significa que todos estes detalhes podem estar disponíveis em texto simples se o aplicativo for compartilhado com outro usuário. Você precisa considerar esses fatores ao projetar um aplicativo para compartilhamento.