NullCount - função de gráfico

NullCount() é utilizada para agregar o número de valores NULL em cada dimensão de gráfico.

Syntax:  

NullCount({[SetExpression][DISTINCT] [TOTAL [<fld {,fld}>]]} expr)

Return data type: inteiro

Arguments:  

Argumento Descrição
expr A expressão ou campo que contém os dados a serem medidos.
set_expression Por padrão, a função de agregação agregará um conjunto de registros possíveis definidos pela seleção. Um conjunto de registros alternativos pode ser definido por uma expressão de análise.
DISTINCT Se a palavra DISTINCT aparecer antes dos argumentos de função, as duplicatas resultantes da avaliação dos argumentos de função serão ignoradas.
TOTAL

Se a palavra TOTAL ocorrer antes dos argumentos da função, o cálculo será feito sobre todos os valores possíveis, dadas as seleções atuais, e não apenas sobre os pertinentes ao valor dimensional atual, isto é, desconsiderando as dimensões do gráfico.

Usando TOTAL [<fld {.fld}>], em que o qualificador TOTAL é seguido por uma lista de um ou mais nomes de campo como um subconjunto das variáveis de dimensão de gráfico, você cria um subconjunto dos valores possíveis totais.

Definindo o escopo de agregação

Examples and results:  

Exemplo Resultado
NullCount([OrderNumber]) 1, pois introduzimos um valor nulo usando NullInterpret no comando inline LOAD.

Dados usados no exemplo:

Set NULLINTERPRET = NULL;

Temp:

LOAD * inline [

Customer|Product|OrderNumber|UnitSales|CustomerID

Astrida|AA|1|10|1

Astrida|AA|7|18|1

Astrida|BB|4|9|1

Astrida|CC|6|2|1

Betacab|AA|5|4|2

Betacab|BB|2|5|2

Betacab|DD|||

Canutility|AA|3|8|

Canutility|CC|NULL||

] (delimiter is '|');

Set NULLINTERPRET=;