Qualify

O comando Qualify é usado para alterar a qualificação dos nomes de campo, ou seja, nomes de campo receberão o nome da tabela como um prefixo.

Syntax:  

Qualify *fieldlist

 

A junção automática entre campos com o mesmo nome em tabelas diferentes pode ser suspensa usando o comando qualify, que qualifica o nome do campo com seu nome de tabela. Se for(em) qualificado(s), o(s) nome(s) de campo será(ão) renomeado(s) quando encontrado(s) em uma tabela. O novo nome estará no formato tablename.fieldname. Tablename é equivalente ao rótulo da tabela atual ou, se não houver rótulo, ao nome que aparece depois de from nos comandos LOAD e SELECT.

A qualificação será feita para todos os campos carregados depois do comando qualify.

A qualificação é sempre desativada por padrão no início da execução do script. A qualificação do nome de um campo pode ser ativada a qualquer momento usando um comando qualify. A qualificação pode ser desativada a qualquer momento usando um comando Unqualify.

Nota: O comando qualify não deve ser usado em conjunto com uma recarga parcial.

Arguments:  

Argumento Descrição
*fieldlist Uma lista separada por vírgula dos campos nos quais a qualificação deve ser ativada. O uso de * como lista de campos indica todos os campos. Os caracteres curingas * e ? são permitidos nos nomes de campo. Poderá ser necessário colocar os nomes de campos entre aspas quando forem utilizados caracteres curinga.

Example 1:  

Qualify B;

LOAD A,B from x.csv;

LOAD A,B from y.csv;

As duas tabelas, x.csv e y.csv, são associadas somente por A. Três campos serão resultantes: A, x.B, y.B.

Example 2:  

Em uma base de dados desconhecida, costuma ser útil, a princípio, assegurar-se de que apenas um ou poucos campos sejam associados, como ilustrado neste exemplo:

qualify *;

unqualify TransID;

SQL SELECT * from tab1;

SQL SELECT * from tab2;

SQL SELECT * from tab3;

Somente TransID será usado para associações entre as tabelas tab1, tab2 e tab3.

See also: