Introdução ao carregamento de dados

Esta é uma breve introdução sobre como carregar dados no QlikView. Ela fornece contexto para os tópicos desta seção, apresentando como realizar cargas e transformações básicas de dados.

O QlikView executa um script de carregamento, gerenciado no editor de scripts, para se conectar e recuperar dados de várias fontes de dados. No script, os campos e as tabelas a serem carregados são especificados. Também é possível manipular ou transformar a estrutura de dados usando comandos e expressões de script.

Quando o script é executado, o QlikView identifica campos comuns de tabelas diferentes (campos chave) para associar os dados. A estrutura de dados resultante dos dados do documento pode ser visualizada no visualizador de tabelas. As alterações na estrutura de dados podem ser realizadas renomeando os campos para obter diferentes associações entre as tabelas.

Você pode executar o script clicando no botão Execução de script. Após a execução do script, a caixa de diálogo Selecionar campos é exibida, permitindo que você selecione os campos a serem exibidos nas listas da pasta no QlikView.

Após o carregamento dos dados no QlikView, eles são armazenados no documento. O documento é o centro da funcionalidade do programa e é caracterizado por diversos fatores: a forma irrestrita na qual os dados são associados, seu grande número de dimensões possíveis, sua velocidade de análise e seu tamanho compacto. Quando o documento é aberto, ele fica armazenado na memória RAM.

A análise no QlikView sempre acontece enquanto o documento não está diretamente conectado às fontes de dados. Dessa forma, para atualizar os dados, você precisa recarregar o script.