Propriedades do Documento: Tabelas

Quando dados que incluem referências circulares forem carregados no QlikView, as tabelas parcialmente conectadas serão criadas automaticamente, para evitar que referências circulares criem um loop na lógica interna do QlikView. Essas tabelas parcialmente desconectadas precisam ser tratadas para que se possam visualizar dados da maneira esperada e compreensível.

Entendendo as referências circulares

Qualquer tabela também pode ser parcialmente desconectada de forma interativa a partir desta caixa de diálogo ou por meio de macros.

A lógica associativa normal do QlikView é desconectada internamente para as tabelas parcialmente desconectadas. Isso significa que as seleções em um campo não se propagam pelos outros campos da tabela. Isso pode ser útil em várias situações, principalmente quando é necessário evitar referências circulares na estrutura de dados.

Criando Tabelas Parcialmente Desconectadas Intencionalmente

Nota: A transformação de uma ou mais tabelas em parcialmente desconectadas pode alterar radicalmente o comportamento do documento. Use esse recurso somente quando tiver certeza absoluta do procedimento que estiver executando.

Essa página de diálogo consiste em duas listas, a lista Tabelas e a lista Campos.

Você pode classificar a tabela em qualquer coluna, clicando no cabeçalho da coluna.

A lista Tabelas contém as seguintes informações:

Nome É o nome da tabela interna.
Parcialmente Desconectado Se a alternativa estiver marcada, a tabela será parcialmente desconectada. É possível definir deliberadamente esta alternativa para uma tabela.
Nº Registros É o número de registros (linhas) da tabela.
Nº Campos É o número de campos (colunas) da tabela.
Nº Chaves É o número de campos (colunas) chave (de conexão) da tabela.
Comentário

Exibe os comentários lidos na fonte de dados e o comentário feitos no campo.

Comment field

A lista Campos na parte inferior da página mostra todos os campos do documento QlikView ou, se uma tabela interna tiver sido selecionada na lista acima, mostrará os campos dessa tabela. As colunas são as seguintes:

# O número interno do campo. Os números de 0 a 5 são usados pelos campos de sistema do QlikView que não estão mostrados nesta lista.
Nome É o nome do campo.
Dimensões Marque a caixa de seleção à direita do nome do campo para incluir no campo a tag do sistema $dimension. Essa tag indica um campo recomendado para uso em dimensões de gráfico, listas, etc. Um campo com a tag dimension será exibido na parte superior de todos os controles de seleção de campo no QlikView, exceto no diálogo Editar expressão.
Medidas Marque a caixa de seleção à direita do nome do campo para incluir no campo a tag do sistema $measure. Essa tag indica um campo recomendado para uso em expressões. Um campo com a tag measure será exibido na parte superior de todos os controles de seleção de campo do diálogo Editar Expressão .
Tags

Exibe as tags do campo. $ denota uma tag do sistema.

Tags de campo

Comentário Exibe os comentários lidos a partir da fonte de dados e um indicador de qualquer status especial do campo, tal como Semântico, Modo AND, Sempre Um Selecionado, Informações, Travado ou Oculto.
Nº Tabelas É o número de tabelas em que o campo ocorre.
Nº Valores É o número total de valores de campo, desconsiderando as seleções. Essas informações não estão disponíveis para campos chave (de conexão).
Nº Distinto É o número total de valores de campo distintos, desconsiderando as seleções.
Tipo

Exibe um indicador para qualquer status especial do campo, tal como Semântico, Modo AND, Sempre Um Selecionado, Travado ou Oculto.

Variáveis de sistema

Editar Tags... Abre uma caixa de diálogo na qual é possível incluir e excluir tags. As tags do sistema não podem ser excluídas aqui. As tags incluídas não podem ter um nome usado por uma tag do sistema.
Exportar Estrutura Ao pressionar esse botão, é possível exportar a estrutura de tabela do documento para um conjunto de arquivos de texto. Esses arquivos de texto, um para as tabelas (nomedoarquivo.Tabelas.tab), um para os campos (nomedoarquivo.Campos.tab) e um para mapeamentos (nomedoarquivo.Mapeamentos.tab), podem ser facilmente lidos no QlikView para realizar uma análise adicional com a capacidade total da lógica do QlikView. Será exibida uma caixa de diálogo que permite escolher a pasta de destino da exportação. O padrão é colocar os arquivos na mesma pasta que a do documento QlikView.
Limpeza de Tags Clique nesse botão para apagar todas as tags que podem estar sobrando depois de um campo ter sido removido do documento QlikView.