Caixa de diálogo Alertas

A maneira mais fácil de definir um alerta é usando o Assistente de Alertas, que pode ser iniciado a partir do menu Ferramentas.
A caixa de diálogo Alertas é aberta a partir do menu Ferramentas. Essa caixa de diálogo é usada para gerenciar alertas armazenados como parte do documento QlikView. Eles podem ser disparados de qualquer versão do QlikView executada no Windows (isto é, não nos clientes AJAX).

O alerta é uma entidade composta e geralmente consiste em três partes básicas:

  1. Uma condição, isto é, uma expressão do QlikView que forma uma condição lógica, que pode ser verdadeira ou falsa.
  2. Um estado lógico (estado de seleção do marcador, de seleção atual ou de limpar todas as seleções), que deve ser aplicado antes da verificação do estado da expressão da condição.
  3. Uma ou mais ações a serem executadas quando a condição for verificada e avaliada como verdadeira. As ações típicas incluem mostrar uma mensagem em uma janela pop-up ou enviar uma mensagem por e-mail para um ou mais destinatários. Mais ações podem ser programadas por macros.

Quando um alerta é verificado, sua condição é satisfeita e a(s) ação(ões) executada(s), ele pode ser considerado como disparado. As verificações de alerta do QlikView podem ser disparadas de três formas diferentes:

  1. Automaticamente no layout do QlikView, quando houver a probabilidade de os dados do documento terem mudado, isto é, quando o documento for aberto, quando o script tiver sido executado ou quando uma operação Reduzir Dados tiver sido executada.
  2. Manualmente de uma macro por meio de APIs de Automação especiais.

    Dica: Consulte o arquivo APIguide.qvw (um arquivo muito útil que descreve o uso da funcionalidade de macro no QlikView, normalmente instalada com o programa) para obter mais detalhes.
  3. Externamente, a partir de programas que executam o QlikView no modo de lote, com uma API de Automação especial para recuperar uma lista de alertas disparados a partir de um determinado contexto.

Tenha cuidado ao criar alertas, pois o uso de grandes quantidades de alertas disparados por macro pode deixar o documento lento.

A Caixa de diálogo Alertas

Na parte superior esquerda da caixa de diálogo há uma Lista de Alertas que mostra todos os alertas definidos atualmente no documento. Essa lista apresenta três colunas: ID, Habilitar e Descrição.

ID A ID exclusiva do alerta é mostrada na caixa de edição ID, bem como na lista de alertas. Após a criação, é atribuído a todas as entidades de layout do QlikView, incluindo os alertas, uma ID exclusiva para controle via macro. O primeiro alerta de um documento receberá a ID AL01. É possível editar mais tarde esse número de ID na caixa de edição ID.
Habilitar Marque ou desmarque esta caixa para habilitar/desabilitar o alerta.
Descrição Descrição de um alerta conforme definida em Descrição (veja abaixo).
Adicionar O botão Incluir inclui um novo alerta padrão na lista para edição adicional.
Remover Selecione um alerta e clique no botão Remover para excluí-lo da lista.
Condição O grupo Condição é usado para definir a expressão condicional. (Condição)
Essa expressão do QlikView deverá ser avaliada como verdadeira (não-zero) quando for disparar o alerta.
Todas limpas
Se esta opção for marcada, o estado de todas limpas será usado na avaliação da condição de alerta.
Marcador
Se a opção Todas limpas ficar desmarcada, você poderá especificar um marcador a ser aplicado antes do teste da condição de alerta. O marcador deve ser indicado como um ID de marcador. É necessário que exista um marcador para que o alerta funcione corretamente. Se não for especificado um marcador e a caixa de verificação Todas Limpas ficar desmarcada, as seleções atuais (isto é, o estado lógico do documento) serão usadas quando a condição de alerta for testada.
Eventos O grupo Eventos é usado para definir verificações automáticas de eventos.
Ao abrir
O alerta é automaticamente verificado quando o documento é aberto.
Após recarga
O alerta é automaticamente verificado após uma execução de script (Recarga) no documento. Além disso, o alerta é verificado na abertura do documento, desde que a última data/hora da recarga armazenada no documento seja posterior à data/hora da última verificação do alerta.
Após redução
O alerta é automaticamente verificado após uma redução de dados (comando Reduzir dados) no documento. Além disso, o alerta é verificado na abertura do documento, desde que a última data/hora da redução armazenada no documento seja posterior à data/hora da última verificação do alerta.
Atraso
O novo disparo dos alertas verificados automaticamente pode ser suspenso por um determinado número de Dias após o disparo de um alerta. Os decimais podem ser usados para especificar frações de um dia. O valor 0 indica que nenhum atraso será aplicado.
Nível do Disparador
O novo disparo dos alertas verificados automaticamente pode ser suspenso também com base na alteração do status do alerta após o disparo. Na lista suspensa, você pode escolher entre três níveis de recorrência:
Sempre
Significa que o alerta é disparado toda vez que ocorrerem evento(s) de disparo e que a condição de alerta é satisfeita.
Alterações de mensagens
significa que o disparo do alerta fica suspenso até que a Mensagem de alerta seja alterada. Isso é significativo apenas para texto de mensagem dinâmica. (Observe que o estado da condição de alerta não precisa necessariamente mudar para que altere a mensagem avaliada. Qualquer alteração na linha Assunto da Correspondência (veja abaixo), será considerada alteração da mensagem.)
Alterações de estado
significa que o disparo do alerta fica suspenso até que o estado do alerta seja alterado, isto é, a condição de alerta não foi satisfeita durante pelo menos uma verificação e torna-se satisfeita novamente durante uma verificação posterior. Esse é o tipo mais extremo de suspensão de alerta.
Mostrar Pop-up Marque a caixa de verificação Mostrar Pop-up para exibir a mensagem de alerta como um balão pop-up quando o alerta for disparado.
Usar Pop-up Personalizado

O grupo Usar Pop-up Personalizado permite definir um formato de pop-up personalizado para o alerta selecionado. Marque esta alternativa para substituir as Configurações de pop-up de alerta padrão definidas em Propriedades de Documento: Geral. O botão Configurações de Pop-up abre a caixa de diálogo Configurações de Janela Pop-up.

Configurações de Janelas Pop-up

Modo No grupo Modo, você pode marcar as opções relevantes para definir um alerta como Interativo (disparadores automáticos no layout) e/ou como um alerta importante para programas externos que executam o QlikView no modo de Lote (por exemplo, o QlikView Publisher) por meio da API de Automação especial para disparadores em lote. Se nenhuma das caixas de verificação deste grupo for marcada, o alerta poderá ser verificado manualmente por meio de macros.
Descrição Um campo de comentário no qual o criador de um alerta pode descrever a finalidade de um alerta. É usada apenas na lista de alertas deste diálogo.
Mensagem

Na caixa de edição Mensagem, digite a mensagem que será mostrada com o alerta. Para alertas pop-up, o texto aparecerá no pop-up; para alertas por e-mail, será o texto de corpo do e-mail. O texto da mensagem pode ser definido como uma fórmula calculada para atualização dinâmica. Clique no botão ... para abrir a caixa de diálogo Editar Expressão, que facilita a edição de fórmulas longas.

Sintaxe da expressão para fórmulas calculadas

Assunto da Correspondência Na caixa de edição Assunto da Correspondência, pode ser inserido um texto a ser usado na linha do assunto das mensagens de alerta por e-mail. O texto pode ser definido como uma expressão de rótulo calculada para atualização dinâmica. Clique no botão ... para abrir a caixa de diálogo Editar Expressão, que facilita a edição de fórmulas longas. Se a caixa ficar vazia, a linha do assunto mostrará o texto 'Alerta do QlikView'.
Destinatários de Correspondência O painel Destinatários de Correspondência é uma lista de endereços de correspondência separados por ponto e vírgula. Cada endereço receberá uma mensagem de e-mail sempre que o alerta for disparado. A lista pode ser definida como uma expressão de caractere calculada para atualização dinâmica.