Ir para conteúdo principal

Registros

O Qlik NPrinting possui arquivos de log detalhados, que permitem que os analistas de log visualizem eventos registrados por diferentes serviços. Por exemplo, é possível acompanhar uma solicitação propagada para diferentes tarefas e replicada de volta para criar uma resposta.

Quando precisar resolver um problema, comece verificando as linhas com erros nos arquivos de log. Você normalmente encontrará mensagens úteis de erro que o ajudarão a entender a origem do problema. Você deve incluir os arquivos de log em suas solicitações de suporte.

Visão geral

Arquivos de log são salvos em %ProgramData%\NPrinting\Logs. Eles estão divididos em três famílias:

  • nprinting_scheduler.log (contém o log do Qlik NPrinting scheduler service)
  • nprinting_webengine.log
  • nprinting_engine.log

Quando um arquivo se torna grande demais para ser gerenciado com facilidade, o Qlik NPrinting cria um novo arquivo e adiciona um sufixo inteiro progressivo ao antigo= Portanto, o arquivo sem sufixo é o arquivo atual, e os arquivos com sufixos são os arquivos mais antigos. Um sufixo maior indica arquivos mais antigos. Por exemplo:

  • \NPrinting\Logs (arquivo mais novo)
  • \NPrinting\Logs.1
  • \NPrinting\Logs.2 (arquivo mais antigo)

Esses arquivos não são girados diariamente. Você precisa excluir manualmente arquivos antigos para economizar espaço em disco. O número de arquivos mantidos depende das configurações nos seguintes arquivos de configuração:

  • C:\Program files\NPrintingServer\NPrinting\Engine\Qlik.NPrinting.Engine.config (Engine Service)
  • C:\Program files\NPrintingServer\NPrinting\Scheduler\Qlik.NPrinting.Scheduler.config (Scheduler Service)
  • C:\Program files\NPrintingServer\NPrinting\Engine\Qlik.NPrinting.Engine.config (Engine Service)

Você pode alterar essas configurações editando estas cadeias:

<maxSizeRollBackups value="3" />

<maximumFileSize value="10MB" />

Por exemplo: Se você alterar o valor de maxSizeRollBackups para 10 em Qlik.NPrinting.Engine.config, o Qlik NPrinting manterá 11 arquivos (arquivo atual + 10 arquivos arquivados). Se você alterar o valor de maximumFileSize para 20 MB, os arquivos de log atingirão o dobro do tamanho máximo padrão antes de disparar a criação de um novo arquivo.

Observe que existem duas seções: uma para arquivos de log normais e outra para arquivos _dev (quando o nível de depuração está habilitado). Você deve personalizar a seção apropriada, ou ambas.

Estrutura de arquivos de log

Todos os arquivos de log têm os seguintes campos:

  • Product Assembly Name
  • Product Version
  • Class Name
  • Timestamp
  • Severity
  • Hostname
  • User name
  • User ID
  • WebEngine Request ID
  • Connection ID
  • Task ID
  • Execution ID
  • Report ID
  • Request ID
  • Transformation ID
  • Message
  • Exception
  • Stacktrace

Arquivos de log são arquivos de valores separados por tabulação, portanto podem ser importados como tabelas.

Alterando o nível de detalhes de log

Nota de advertênciaVocê sempre deve fazer backup do seu repositório do Qlik NPrinting antes de editar um arquivo .config. Para obter mais informações, consulte Fazendo backup do Qlik NPrinting.

O nível de log é definido como INFO por padrão. Você pode alterar o nível de log para DEBUG de um serviço do Windows.

Faça o seguinte:

  1. Abra o arquivo de configuração adequado com um editor de texto:
    • C:\Arquivos de Programas\NPrintingServer\NPrinting\Engine\Qlik.NPrinting.Engine.exe.config
    • C:\Arquivos de Programas\NPrintingServer\NPrinting\Scheduler\Qlik.NPrinting.Scheduler.exe.config
    • C:\Arquivos de Programas\NPrintingServer\NPrinting\WebEngine\Qlik.NPrinting.WebEngine.exe.config

    Em que C:\Program Files\NPrintingServer é o caminho de instalação do Qlik NPrinting Server. Adapte-o à sua instalação se necessário.

    Se você quiser exibir os logs do Qlik NPrinting On-Demand, precisará definir Qlik.NPrinting.Engine.exe.config como DEBUG.

  2. Procure:

    <root>

    <level value="INFO" />

    <appender-ref ref="LogFileAppender" />

    <!--Uncomment the row below and set the level value above to obtain the logs in the file nprinting_engine_dev.log-->

    <!--<appender-ref ref="LogFileAppenderDev" />-->

    <appender-ref ref="LogFileAppender" />

    </root>

  3. Altere o level value para "DEBUG":

    <root>

    <level value="DEBUG" />

    <appender-ref ref="LogFileAppender" />

    <!--Uncomment the row below and set the level value above to obtain the logs in the file nprinting_engine_dev.log-->

    <!--<appender-ref ref="LogFileAppenderDev" />-->

    <appender-ref ref="LogFileAppender" />

    </root>

  4. Remover comentário: <!--<appender-ref ref="LogFileAppenderDev" />-->

  5. Salve os arquivos editados.
  6. Reinicie o serviço do Windows correspondente.

Quando você altera um nível de log para DEBUG, um novo arquivo de log é criado. O novo arquivo de log tem o mesmo nome do arquivo de log existente com o nível de detalhes INFO, seguido por _dev. Por exemplo:

  • nprinting_scheduler_dev.log
  • nprinting_webengine_dev.log
  • nprinting_engine_dev.log

Os arquivos de log padrão ainda estarão presentes e continuarão contendo apenas informações no nível INFO.