Ir para conteúdo principal

Requisitos e limitações do sistema

NESTA PÁGINA

Requisitos e limitações do sistema

Esta seção descreve os requisitos e limitações para distribuição híbrida de dados.

Antes de começar, você deve revisar os requisitos para ter certeza de que tem tudo o que é necessário para começar.

Você pode ler mais sobre o fluxo de trabalho e os componentes do sistema em Distribuição híbrida de dados

Requisitos

Requisitos gerais para distribuição híbrida de dados.

  • Locatário no Qlik Cloud com o Qlik Sense Enterprise SaaS.

    O usuário precisa de uma licença de acesso profissional para criar, gerenciar e executar ativos de dados em um espaço de dados.

    Os usuários com acesso de analisador podem consumir aplicativos analíticos que contêm dados carregados de um espaço de dados.

    Consulte Espaços de dados

  • Qlik Replicate versão 2021.5 SR4 instalado.

    Installing Qlik Replicate (somente em inglês)

    Você sempre pode baixar uma versão compatível do Qlik Replicate de Configurações de perfil > Ferramentas no menu de perfil.

    Requisitos de licença:

    • Tipo de origem de acordo com sua fonte de dados local.
    • Tipo de destino: de acordo com a área de aterrissagem da nuvem que você deseja usar. Consulte os requisitos específicos abaixo.

  • Qlik Enterprise Manager versão 2021.5 SR4 instalada e configurada com acesso ao servidor Qlik Replicate.

    Instalando o Qlik Enterprise Manager (somente em inglês)

    Você sempre pode baixar uma versão compatível do Qlik Enterprise Manager de Configurações de perfil > Ferramentas no menu de perfil.

    • Você precisa ter acesso lógico ao servidor Qlik Enterprise Manager na nuvem. Para mais informações, consulte Adicionando Servidores (somente em inglês) na ajuda online do Qlik Enterprise Manager.

    • Você precisa ter permissão de Administrador no nível do Enterprise Manager para poder se conectar ao Qlik Cloud.

  • Uma fonte de dados com suporte pelo Qlik Replicate.

    A fonte de dados deve ser configurada com acesso de leitura pelo servidor Qlik Replicate. Para mais informações, consulte Endpoints de Origem Compatíveis (somente em inglês) na ajuda online do Qlik Replicate.

    Cada tabela de origem deve conter pelo menos uma chave primária ou um campo de índice exclusivo.

    Os seguintes bancos de dados de origem não têm suporte:

    • Origens que não oferecem suporte ao processamento de alterações.

    • Bancos de dados de origem que não enviam todos os dados nos eventos de atualização, por exemplo, SAP HANA baseado em log, SAP Extractor, Salesforce e Oracle com log suplementar completo desativado. 

    Para trabalhar com o SAP HANA, o endpoint de origem deve ser configurado para funcionar no modo baseado em gatilho.

    Para trabalhar com o SAP Extractor, o endpoint de destino deve ser configurado para ter chaves primárias.

    Para trabalhar com origens Oracle, o banco de dados de origem deve ser configurado com log complementar completo para todas as colunas da tabela de origem.

  • É necessário ser um administrador de locatário para poder criar um recurso remoto do Enterprise Manager ao estabelecer uma conexão com o Qlik Enterprise Manager.

    Conectar o Qlik Cloud e o Qlik Enterprise Manager

  • Quando você se conectar a fontes de dados externas fora do Qlik Cloud, talvez precise adicionar Endereços IP do Qlik Cloud subjacentes à sua lista de permissões.

    Para mais informações, consulte Conectando-se a fontes de dados de uma rede privada.

Requisitos para gerar tabelas QVD

  • Licença do Qlik Replicate para Tipo de destino: Qlik Cloud Landing (Amazon S3 com configurações adaptadas para distribuição híbrida de dados).

  • Bucket do Amazon S3 para dados de aterrissagem com acesso de gravação na máquina de servidor do Qlik Replicate e acesso de leitura no locatário do Qlik Cloud.

    Para mais informações, consulte Pré-requisitos (somente em inglês) na ajuda online do Qlik Replicate.

    Aviso: Você precisa se certificar de que a zona de aterrissagem é segura. Você pode usar criptografia no lado do servidor com chaves gerenciadas pelo Amazon S3 ou chaves gerenciadas pelo AWS KMS.
  • Se você deseja armazenar dados de Armazenamento (QVD) no seu próprio armazenamento gerenciado, em vez de no armazenamento gerenciado da Qlik, precisará de um bucket do Amazon S3. Você pode usar o mesmo bucket do Amazon S3 que você usa para dados de destino, mas isso também requer acesso de gravação a partir do locatário do Qlik Cloud. Também será necessário usar pastas separadas para dados de aterrissagem e armazenamento.

    Se você gerenciar o armazenamento, não será possível usar Criar aplicativo a partir de dados ou Perfil de dados no hub de análises.

    Aviso: Você precisa se certificar de que o armazenamento gerenciado é seguro. Você pode usar criptografia no lado do servidor com chaves gerenciadas pelo Amazon S3 ou chaves gerenciadas pelo AWS KMS.

Requisitos do Snowflake

Aviso: Não será possível usar uma área de aterrissagem do Amazon S3 se você quiser fornecer dados para o Snowflake.

Limitações

Existem algumas limitações de como você usa o distribuição híbrida de dados.

Limitações comuns

  • A replicação de alterações DDL não é compatível. Se você fizer alterações no esquema na fonte de dados, precisará criar novos ativos de dados.

  • Não é possível alterar o proprietário de um ativo de dados ou mover um ativo de dados para outro espaço.

  • A limpeza automática da área de aterrissagem não tem suporte. Isso pode afetar o desempenho. Recomendamos que você execute limpezas manuais.

  • Ao aplicar alterações às tabelas em um ativo de dados de armazenamento, não há consistência transacional entre as diferentes tabelas no ativo. A consistência transacional poderá ser obtida quando o processamento de alterações estiver concluído.

  • Tabelas de aterrissagem aparecem como conjuntos de dados no hub de análises. Não é possível usar essas tabelas em um aplicativo de análises.

Limitações ao gerar tabelas QVD

  • Espaços de dados sempre funcionam com capacidade padrão, o que limita a capacidade do ativo de dados de Armazenamento. Cada tabela processada pelo ativo de dados de Armazenamento deve ter um tamanho geral, incluindo alterações, que é até o tamanho do aplicativo compatível (na memória) para aplicativos padrão.

Limitações do Snowflake

  • A autenticação OAuth não tem suporte ao conectar-se a Snowflake.

  • Todas as tabelas são gravadas no mesmo esquema interno, e todas as exibições são gravadas no mesmo esquema de ativo de dados no armazenamento. Portanto, não é permitido ter duas tabelas com o mesmo nome em esquemas diferentes em um único ativo de dados de aterrissagem.

    Para obter mais informações sobre as tabelas geradas em Snowflake, consulte A estrutura de tabelas e exibições que são geradas no Snowflake.